Programa de Extensão Universitária do Curso de Medicina da FACERES almeja selo da ONU.

Programa de Extensão Universitária do Curso de Medicina da FACERES almeja selo da ONU

Intitulado Dr. Capivara, programa tem lançamento nessa sexta-feira, 23

O Dr. Capivara é um programa de extensão universitária com o objetivo de popularizar a ciência para a comunidade, por meio de diferentes ferramentas multimidiáticas. O programa, com foco na área de saúde, pretender promover o engajamento dos estudantes de medicina em ações de intervenção na comunidade, em diferentes locais físicos (unidades de saúde, hospitais, ILPIs, escolas, empresas, praças públicas etc.) e virtuais (canais de podcasts, redes sociais, YouTube, blogs etc).

Sob orientação dos professores do curso, a proposta é a de compartilhar a ciência com a comunidade, de forma dialógica, democratizando a informação e o conhecimento, como forma de colaborar para assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todas as pessoas, como preceitua a ONU.

O projeto contempla objetivos que compõem os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), criados pela ONU (Organização das Nações Unidas) para promover ações sustentáveis de impacto no mundo. Atualmente são 17 objetivos que compõem os ODS, entre eles, o objetivo 3: Saúde e Bem-Estar (assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todas e todos, em todas as idades)”, a principal intenção do programa do curso de medicina FACERES.

A iniciativa é pleiteada pela FACERES para conquistar o selo Impacto Acadêmico, uma iniciativa da UNAI (ONU).  Segundo uma das coordenadoras do projeto, professora Norma Barbosa Novaes Marques, este selo avalia o resultado de atividades institucionais que, de alguma forma, causam impacto tanto na comunidade de ensino como na comunidade externa. “O Dr. Capivara dialoga muito bem com a proposta da ONU de resolver diversos problemas sociais. Ao sermos aprovados nessa candidatura, receberemos o selo que representa o compromisso da FACERES com a ONU e que abre as portas para parcerias com outras instituições internacionais”, complementa Norma.

Neste contexto, os alunos produziram uma série de podcasts, novo meio de comunicação, bastante efetivo, e que pretende aproximar o estudo científico e a população. “No atual cenário de tantas informações sobre a área da saúde, além de muitas fake news, selecionamos temas a partir dos conteúdos teóricos que os alunos estão aprendendo. É um mecanismo de enfrentamento às notícias falsas, uma maneira de a escola médica levar informação fidedigna para a população e colaborar para a formação da educação em saúde” explica a coordenadora do programa, Professora Norma Barbosa Novaes Marques.

“É uma experiência inédita para nós, acadêmicos da área da saúde. Com o passar do tempo, ampliamos nosso entendimento sobre esta ferramenta de comunicação para colocá-la em prática”, diz Bruno Thomás Michels, aluno de medicina da turma 11.

Os temas dos podcasts foram inicialmente escolhidos entre assuntos da Covid-19, mas, com o crescimento do projeto, os temas também foram ampliados para diversas categorias das áreas da saúde. “Cada podcast é definido por meio do grupo de trabalho que formamos em torno do Dr. Capivara. Temos reuniões quinzenais para definir os assuntos junto das professoras”, Caroline Romero, aluna da turma 11 do curso de medicina FACERES.

PODCASTS COMO FORMA DE APROXIMAR A CIÊNCIA DA COMUNIDADE

No começo da pandemia, os alunos da Turma 11 do curso de medicina FACERES se utilizaram dessa ferramenta de comunicação e produziram dez podcasts abordando a Covid-19.  O projeto recebeu o nome de “Ouvidos atentos para a Covid -19: dez temas que todos devem saber”.

“A ideia surgiu a partir de uma dupla necessidade de dar conta no contexto atual da pandemia, junto com os alunos em que iriam produzir conteúdo a partir do conhecimento que eles têm por meio de uma ferramenta de comunicação”, explica a professora de Saúde Coletiva da FACERES, Cristiane Spadacio, que desenvolveu esse projeto com os alunos e é uma das criadoras do Programa Dr. Capivara.

O sucesso foi tão grande que se transformou em um Programa de Divulgação Científica e Popularização da Ciência em Saúde do Curso de Medicina da FACERES, intitulado Dr. Capivara, que hoje é formado por 34 membros da comunidade acadêmica. Um programa de extensão universitária com a proposta de incentivar, apoiar e promover iniciativas cujos objetivos estejam diretamente vinculados à divulgação científica e à popularização da ciência, especificamente no tema da saúde.

Para a coordenadora de extensão da faculdade, professora Fernanda Novelli Sanfelice os programas de extensão encurtam a distância entre o aprendizado dos acadêmicos e a participação da comunidade.

“Essas iniciativas fortalecem o papel da extensão universitária através da interação da universidade com a comunidade, onde se estabelece uma troca de saberes acadêmico e popular, que terá como consequência a produção do conhecimento resultante do confronto com a realidade, a democratização do conhecimento acadêmico e a participação efetiva da comunidade”, conclui a coordenadora de extensão Fernanda.

LANÇAMENTO DR. CAPIVARA

O Dr. Capivara será lançado nesta sexta-feira, dia 23 de outubro, às 19h. A abertura será realizada presencialmente e com transmissão pela plataforma ZOOM, direto da represa municipal, berço das capivaras em São José do Rio Preto, com presença de alunos e da coordenadora do curso de medicina da FACERES, Dra. Patrícia Cury.  Os participantes poderão acompanhar virtualmente a abertura e na sequência a palestra com o Dr. Luiz Gustavo de Almeida, PhD em Microbiologia – USP, gerente de mídias sociais do Instituto Questão de Ciência e Diretor Nacional do Pint Of Science. O tema será: “Fake News, má ciência e divulgação científica”.

Para assistir basta fazer a inscrição no link abaixo:

https://forms.gle/TqwHGS5gX2JPHWsD8

A transmissão será através da plataforma Zoom.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *